Preços praticados

Informações sobre oferta e demanda e preços do Petróleo praticados no mercado internacional


Índice

Como tem evoluído o preço do barril de petróleo no mercado internacional?
Quais são os principais países produtores de Petróleo?
Qual é a demanda mundial por petróleo?

Referências


Como tem evoluído o preço do barril de petróleo no mercado internacional?

Ao longo de 2015, os preços do barril de petróleo no mercado internacional mantiveram a tendência de baixa, iniciada no segundo semestre de 2014.
Dessa forma, encerraram o ano com o menor valor desde julho de 2004, sendo cotado a US$ 35,11/barril para o petróleo do tipo Brent e US$ 37,58/barril para o WTI.
A tendência de queda de preços reflete, em grande medida, a nova dinâmica desse mercado, resultado da convergência de dois fatores. O primeiro refere-se à falta de consenso entre os países integrantes da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e decisão da Arábia Saudita (segundo maior exportador mundial de Petróleo) de não reduzir a produção para influenciar os preços do petróleo. O segundo trata da resiliência dos produtores de tigh oil nos preços das commodity.

Quais são os principais países produtores de Petróleo?

Os Estados Unidos obtiveram o maior aumento de produção de petróleo em 2015 atingindo quase 1 milhão de barris por dia, mesmo com a queda dos preços do petróleo no mercado internacional. A principal explicação para a continuidade da produção de petróleo no EUA, no atual cenário de preços baixos do óleo cru, foi o avanço na tecnologia utilizada, melhorando a eficiência da perfuração e completação, e gerando uma maior produtividade por poço.
Além dos EUA, têm posição de destaque na produção de óleo cru, o Canadá, a Rússia e o Brasil, considerando os países que não integram a Opep.

Qual é a demanda mundial por petróleo?

A demanda mundial de petróleo apresentou crescimento de 1,54 milhões de barris por dia em 2015, em comparação aos anos anteriores. O aumento da demanda vem crescendo nos últimos anos principalmente entre países que não fazem parte da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico), sendo que China e Índia são os principais demandantes.
A China, é o segundo maior consumidor de petróleo do mundo. Em 2015, foram consumidos 700 mil b/d a mais em relação ao ano anterior.
No entanto, o grande destaque de 2015 foi a Índia, que assumiu o posto de terceiro maior consumidor de petróleo do mundo (4,159 milhões b/d), no lugar do Japão, ficando atrás apenas de Estados Unidos e China.

Referências

Boletim anual de preços. Agência Nacional de Petróleo, Gás natural e Biocombustíveis (ANP), 2016.