Maquininha de cartão

Conheça os motivos que levam os empresários a utilizar máquinas de cartão de crédito e débito, assim como suas vantagens e os problemas enfrentados pelos usuários.

Assunto disponibilizado pela Unidade de Gestão Estratégica do Sebrae Nacional


Índice

Qual é o percentual de pequenos negócios que possui a maquininha?
Qual é o percentual das vendas realizadas com a maquininha?
O que mudou desde a adoção da maquininha maquininha?
Quais são as razões para evitar a maquininha?
Quais são as razões para aceitar a maquininha?
Quais são as empresas mais contratadas para este serviço?
Quais são os motivos das escolhas entre uma empresa ou outra?
Para onde vai o dinheiro das vendas por máquina de cartão?
Em dinheiro, tem desconto?
Qual é a comissão da maquininha?
As maquininhas dão problema? 
Relatórios completos
Referências


Qual é o percentual de empresas que possui a maquininha?

O uso das máquinas de cartão ainda está restrito a 2 em cada 5 dessas empresas (39%), sendo a sua utilização crescente quanto maior o porte das empresas.

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

Qual é o percentual das vendas realizadas com a maquininha?

Os empreendedores que utilizam a máquina de cartão relataram que apenas 39% das respectivas vendas se dão dessa forma.

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

O que mudou desde a adoção da maquininha?

A análise dos impactos advindos da utilização da máquina de cartão se revela bastante positiva na maior parte deles, suscitando apenas alguma dúvida no que tange ao tempo gasto para o controle diário de caixa.

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

Quais são as razões para evitar a maquininha?

Dentre as motivações alegadas para essa falta de interesse pelo recurso, várias estão muito presentes, sendo a taxa de desconto, a mensalidade e o valor da compra da maquininha aspectos destacados.

O desconhecimento dos produtos ou dos próprios serviços oferecidos (44%), bem como a mera preferência por outras formas de recebimento (79%) podem ser justificativas para o mesmo problema.

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

 

Quais são as razões para aceitar a maquininha?

Várias seriam as razões capazes de convencer o empreendedor a passar a utilizar a máquina de cartão, inclusive com 4 delas com potencial para “converter” mais de 70% desse universo de não-usuários.

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

 

Quais são as empresas mais contratadas para este serviço?

A liderança da Cielo é considerável, inclusive com presença em mais da metade desse mercado, apesar de particularmente no perfil MEI já existir uma presença maior de outros concorrentes

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

 

Quais são os motivos das escolhas entre uma empresa ou outra?

A máquina de cartão operar com várias bandeiras é a motivação mais presente para a escolha, alcançando quase 9 em cada 10 (87%), enquanto o valor da taxa seria importante para apenas 2 em cada 3 (68%) desses empreendedores.

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

 

Para onde vai o dinheiro das vendas por máquina de cartão?

O depósito em conta corrente é praticamente uma unanimidade entre os empreendedores que operam com a máquina de cartão, com a utilização do cartão pré-pago ainda bastante incipiente, mesmo para o perfil MEI.

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

 

Em dinheiro, tem desconto?

A prática de oferecer um desconto para o pagamento em dinheiro ainda se faz presente em pouco mais de metade desse universo de empreendedores.

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

Qual é a comissão da maquininha?

Com relação às taxas pagas na máquina para o débito, surpreende que 1 em cada 3 desses (37%) empreendedores sequer saiba o valor, algo que sugere despreparo.

O mesmo se observa quanto às taxas pagas na máquina para o crédito, onde também 1 em cada 3 desses (37%) empreendedores sequer saiba o valor.

E por fim, uma situação ainda pior com relação às taxas pagas na antecipação de recebíveis, onde 3 em cada 5 (61%) desses empreendedores sequer saibam o valor, algo que sugere despreparo quando analisado em conjunto com a diferença entre os portes (37%)

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

 

As maquininhas dão problema?

Na medida em que praticamente 1 em cada 5 desses empreendedores já teve problemas com a máquina de cartão, de certa forma fica mais claro o porquê da cautela em relação ao controle dos valores a receber. É comum a prática de checar os lançamentos de mais de uma forma.

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

Pesquisa Máquina de Cartão. Sebrae, 2016.

Relatórios completos

Pesquisa Máquina de cartão. Sebrae, 2016.

Referências

Pesquisa Máquina de cartão. Sebrae, 2016.