.

IG – Venda Nova do Imigrante

Venda Nova do Imigrante é referência no Brasil pela receptividade com o turista, que é atraído pela boa gastronomia, belas paisagens e clima agradável. O socol já consiste em um dos principais atrativos do agroturismo na região.

Este assunto é de responsabilidade da Unidade de Inovação. 20 de Julho de 2018


1 / 6

2 / 6

3 / 6

4 / 6

5 / 6

6 / 6


Produto da indicação geográfica.
 Socol.
 Associação.
 Vista da região.
 Socol fatiado.
 Marca visual.

Sobre a Indicação Geográfica


O socol foi introduzido no Brasil por imigrantes italianos de Treviso, da região de Vêneto, por volta da década de 1880. Essas famílias se instalaram em Venda Nova do Imigrante em busca de terras férteis, clima agradável e água potável.

No início, devido ao alto custo de produção e pelo tempo de maturação, o produto era consumido ocasionalmente pelas famílias em ocasiões especiais. Era também servido a visitantes ilustres como prato principal. Soma-se a isso o fato de que na época não existia sistema de refrigeração e assim os produtores curtiam a carne para conservá-la.

O modo de preparo do socol se manteve ao longo dos anos, conforme a tradição vinda da Itália. O agroturismo na região contribuiu para dar mais visibilidade ao socol. Atualmente, é realizada a Festa do Socol em Venda Nova do Imigrante com o objetivo de atrair turistas e difundir a cultura.


O município Venda Nova do Imigrante foi emancipado de Conceição do Castelo e criado por meio da Lei nº 4.069/1988. A área delimitada abrange oito regiões do município de Venda Nova do Imigrante, que se localiza na região Serrana do estado do Espírito Santo.

O clima da região é frio e úmido, com temperatura média de aproximadamente 18,5 graus, e o relevo é montanhoso, com altitude variando de 630 a 1550 metros. A região possui vegetação nativa e diversas nascentes que contribuem para a bacia do rio Itapemirim.


O Socol é um tipo de presunto cru, ou seja, um embutido, envolto numa capa protetora. Inicialmente, ele era feito a partir da carne do pescoço de suínos. Atualmente, utiliza-se o lombo do porco para deixar o produto menos gorduroso. O clima frio é essencial para produção do socol por possibilitar a proliferação de fungos que curam a carne.

Os ingredientes autorizados para elaboração do socol são: lombo de carne suína resfriada, peritônio suíno, sal, pimenta-do-reino, alho. Para saborear esse produto diferenciado, é recomendado que se fatie o mais fino possível e que ele não seja cozido.


Até 1989, a produção de socol era para consumo próprio, a partir desta data ela começa a ganhar um caráter comercial como forma de complementar a renda das famílias. Atualmente, o socol é um dos principais produtos e um dos destaques do agroturismo da região.


Associação dos Produtores de Socol de Venda Nova do Imigrante
Endereço: Rodovia Pedro Cola, Km 04. Bairro Providência | Cidade: Venda Nova do Imigrante/ES | CEP: 29.375 -000
E-mail: socol.associacao@gmail.com


Dados Técnicos

Número: BR4020140000026
Indicação Geográfica: Venda Nova do Imigrante
UF: Espírito Santo
Requerente: Associação dos Produtores de Socol de Venda Nova do Imigrante
Produto: Socol
Data do Registro: 12/06/2018
Delimitação: A área a ser considerada como indicação de procedência está localizada na parte nordeste do município de Venda Nova do Imigrante, localizado no Estado do Espírito Santo abrangendo as regiões de: Alto Bananeiras, Bananeiras, Lavrinhas, Sede, Tapera, Alto Tapera, Santo Antônio da Serra e Providência.