.

IG – Vales da Uva Goethe

A região de Urussanga, hoje conhecida como Vales da Uva Goethe, colonizada por italianos, foi o grande palco para a vitivinicultura brasileira. A tradição vitivinícola faz parte do local e da vida de seus habitantes.

Este assunto é de responsabilidade da Unidade de Inovação. 17 de Abril de 2018


1 / 6

2 / 6

3 / 6

4 / 6

5 / 6

6 / 6


Uvas Goethe.
Coleta das uvas.
Plantação das uvas Goethe.
Cacho de uvas.
Uvas da Indicação Geográfica.
Uvas em taças.

Sobre a Indicação Geográfica


A história da uva Goethe começou, na região, com a chegada do regente do consulado italiano, Senhor Giuseppe Caruso Mac Donald, no inicio do século XX. Além da função de acompanhar as colônias de imigrantes, também foi o responsável pela introdução e distribuição desta variedade.

Os títulos conquistados pelos viticultores com os vinhos da uva Goethe deram tanto destaque à região que o Governo de Getúlio Vargas decidiu apoiar a vitivinicultura, instalando, em 1942, a Subestação de Enologia de Urussanga. Na década de 50, o município de Urussanga foi considerado a Capital do Vinho.

A atividade vitivinícola sofreu um declínio na década de 1970, com ascensão de outras atividades industriais. No entanto, a insistência dos produtores e a retomada dos estudos pela antiga Subestação, na década seguinte, mantiveram e perpetuaram a fama da região.

No ano de 2004, o Vales da Uva Goethe recebe o título de Capital Catarinense do Bom vinho, outorgado pela Assembléia Legislativa do Estado de Santa Catarina.


A região dos Vales da Uva Goethe está situada na porção sul do litoral catarinense, no início das elevações da Serra Geral, coberta pela vegetação nativa da mata atlântica.

As uvas e os vinhos dos Vales da Uva Goethe incorporam as horas de insolação, o calor do dia, os dias de chuva, a duração da neblina e o frio da noite. Todos estes elementos são influenciados pela energia da radiação solar, pelas correntes da Malvinas, pela umidade e sais trazidos do Oceano Atlântico e pelos ventos das escarpas, relevo que possui altitudes de 1800 metros.

Os Vales da Uva Goethe apresentam condições climáticas inigualáveis. O mosaico de fatores que constroem o meio geográfico pode ser considerado como um patrimônio da comunidade.


A variedade da uva Goethe no cultivo e na produção de vinho sempre foi destaque na região, tanto pela sua ótima adaptação ao território, quanto pela notoriedade dos vinhos produzidos. Certamente um vinho único, jamais encontrado em outro local.

Os vinhos dos Vales da Uva Goethe são elaborados com as variedades Goethe encontradas neste território, a “Goethe Clássica” e a “Goethe primo”, originárias e adaptadas há mais de 100 anos nesta região. Os vinhos são reconhecidos como verdadeiros terroirs devido à sua íntima relação com as condições específicas do clima e dos solos.


A importância do registro da Indicação de Procedência dos Vales da Uva Goethe vai além da proteção e certificação da origem dos vinhos.
Todos os esforços da associação dos produtores, parceiros e colaboradores possibilitaram o resgate histórico da uva e do vinho Goethe na região e na sua revalorização, fortalecendo a identidade local, os laços culturais, preservando a própria historia, de um produto único.

A busca pelo reconhecimento consolidou a organização dos produtores e o estabelecimento do enoturismo. Com um intenso suporte técnico e econômico, o registro da Indicação de Procedência Vales da Uva Goethe garante ao consumidor a qualidade, a tipicidade e a tradição dos vinhos Goethe.



Associação dos Produtores da Uva e do Vinho Goethe – PROGOETHE
Endereço: Rua D. Lúcia Delfino da Rosa, 150 – Bairro da Estação | Cidade: Urussanga/SC | CEP: 88.840-000
Telefone: +55 (48) 3465-6238 | Site: www.progoethe.com.br | E-mail: contato@progoethe.com.br

Vales da Uva Goethe


Dados Técnicos

Número: IG201009
Indicação Geográfica: Vales da Uva Goethe
UF: Santa Catarina
Requerente: Associação dos Produtores da Uva e do Vinho Goethe
Produto: Vinhos: Branco, Espumante E Licoroso
Data do Registro: 14/02/2012
Delimitação: Microrregião compreendendo os municípios de Urussanga, Pedras Grandes, Cocal do Sul, Morro da Fumaça, Treze de Maio, Orleans, Nova Veneza e Içara.